http://br.jooble.org/

Siga-me no Twitter

Me leve com você!

Visitantes

Download

Postagens populares

Venha para Facho

PageRank

Verifique o PageRank de qualquer página da web instantaneamente:
  
Esta ferramenta gratuita é fornecida por MestreSEO.

SOS NATUREZA

SOS NATUREZA

Seguidores DIHITT

Seguidores

Quem sou eu

Minha foto
Psicóloga, Blogueira, adepta da meditação e alimentação saudavel. Experiência em empresas da área de mineração, bancacaria, varejo e consultoria de RH, habilidade em recrutamento e seleção, rotinas de departamento pessoal, habilidade para aplicação de testes para ingresso em empresas, treinamento, capacitação e avaliação de pessoal. Empática, localizo prioridades de cada pessoa para melhor aproveitamento. Comunicativa e pró ativa. Pontos fortes: criatividade, solução de problemas, facilidade social. Analiso os elementos internos e externos holisticamente na tomada de decisões. Focada sempre nas metas e resultados.

"Pessoas bem sucedidas"

Pessoas bem sucedidas procuram soluções quando encontram um problema pela frente. Não perdem tempo se queixando, porque vêem os problemas como oportunidades de se superarem. Assim, as pessoas bem sucedidas são, normalmente, aquelas que acham soluções - enquanto o resto se queixa.

Blogger Themes

Pesquisar neste Blog

Pages

sábado, 9 de abril de 2011

Campanha: Respeito Sim! Bullying Não!



Quero fazer essa campanha para conscientizar as pessoas de que como é grave o BULLYING  e os estragos que podem fazer numa pessoa que sofre com isso. Temos que primeiramente respeitar e aceitar as diferenças, não é porque o outro não é igual a você, tem gostos e aspectos diferentes, essa pessoa não merece ser insultada, xingada,  violentada. Eu já sofri de bullying na infância, não existe coisa pior, mas graças a Deus, tive equilibro e personalidade suficiente para dar volta por cima, e não deixei que esses deliquentes que praticaram o bullying comigo, tirasse minha autoestima, ao contrário, tive forças suficiente para lutar e provar a todos que eu não era nada aquilo que eles me xingava, hoje estou onde eu estou e eles com certeza não devem está em lugar nenhum.


Mas infelizmente nem todas as pessoas que são vitimas de bullying, agem dessa forma que eu agi, muitas se revoltam, ficam introspectivas, com problemas psicológicos, algumas cometem suicídios e crimes bárbaros, como no caso da escola em Realengo. Isso tudo poderia ter sido evitado, se as pessoas não cometessem o bullying, respeitando e sabendo conviver com as diferenças.As consequências desse ato  para quem sofre, estão desde crises de choro à depressão. A vítima pode apresentar problemas de pressão, pânico e outras doenças psicossomáticas, além de ter a capacidade de produção reduzida".Quem sofre ou conhece vitima do bullying, denuncie, não aceite calado essa agressividade física e mental que causa vários danos a vitima.

E você, já sofreu bullying ou conhece alguém que já sofreu? Se sim, tem que denunciar, procurar ajuda psicologica e ajudar a reverter essa história. Com simples gestos podemos fazer  diferença e ajudar a salvar vidas.

8 comentários:

Aline disse... [Responder comentário]

Nunca sofri não,mas conheço pessoas que já sofreram muito com isso!Isso pode desencadear problemas sérios. Essa campanha já tem meu apoio!!

Leh disse... [Responder comentário]

Pessoas fortes, equilibradas provam o que realmente são e, assim como você, vencem e acabam sendo melhor que esses que praticam o bullying.
Já as pessoas fracas, tímidas, ficam revoltadas e podem resultar em graves implicações psicológicas e/ou consequências.
É preciso denunciar, mas antes é preciso que o respeito ao próximo seja ensinado em casa e também na escola.
Sou contra o bullying!

Anônimo disse... [Responder comentário]

Respeito acima de tudo!!!!!!!!!!
Wellington Jr

alex disse... [Responder comentário]

Oi Mary ja sofri no trabalho e sai do mesmo por ser maltratado.Depois fiquei sabendo que a pessoa que provocava o bullying foi despedida.Não respeitava seus colegas de trabalho.Muito bom ,Parabens!!!

Palestrante Gilson Galhardo disse... [Responder comentário]

Com nove anos de idade, terceira série ainda sofria muito com o.... Tinha o visual real de um nerd, óculos grandes e lentes grossas por causa da minha miopia, todos os dias no intervalo apanhava ou tinha minhas coisas destruídas, na época falava que tinha esquecido debaixo da carteira, mas depois da freqüência dos acontecimentos, meus pais começaram a achar estranho e foram até a escola, e conversaram com a diretora e os professores... Contei a verdade sobre o que estava acontecendo. Parou por um tempo! Meses seguintes outras pessoas começaram a freqüentar a mesma rede que estava e começaram a me humilhar diante as outras pessoas, por ser dedicado aos estudos... Só que dessa vez não teve agressão física, mas uma tentativa de intimidação psicológica, até que em um dia de “pressão”, me levantei na sala porque ele estava tacando pedaços de giz em mim, e disse; “...Enquanto você taca esse giz em mim e brinca, eu aprendo e serei uma pessoa grande”, foi assim esmo, na época com nove anos como já disse, eles riram por muito tempo de mim, mas o ... Tinha acabado. Hoje infelizmente, vejo que essas pessoas tiveram um vida muito ruim, envolvimento com drogas, prisões e mortes, apesar de ter a mesma qualidade de ensino, acredito que o primeiro passo é o apoio família.


Enfrente seus medos! "Respeito para uma vida melhor"

Lady Sixties disse... [Responder comentário]

Oi, Mari! Adorei seu post.
Infelizmente eu sofri bullying até meus 17 anos na escola e é uma coisa horrível mesmo! O que não compreendo é porque alguém tem a coragem de fazer isso... Perde tempo! Atualmente estou me recuperando desse mal com minhas próprias forças e procurando ajuda psicológica que está dificil. Temos que acabar com esse mal! Também, só causa horrores, qual é a graça né?
bjs

Jackie Freitas disse... [Responder comentário]

Oi miga linda!
Comentei em outro post seu, sobre o bullying no ambiente de trabalho, dizendo que ele sempre existiu (você é a prova disso), porém, agora, com a mídia toda voltando os seus refletores para o assunto, ele ganha mais evidência! Todo ato abusivo e discriminatório, pautado em violência física ou verbal, causando constrangimentos e ferimentos não apenas físicos, mas psicológicos, é repulsivo e deve ser combatido. Apoio a campanha há muitos anos, porque não gosto de injustiças e nem de abuso de forças ou poder!
Grande beijo, minha querida!
Jackie

Anônimo disse... [Responder comentário]

Adorei seu texto,porque eu estudo e e na minha escola tem muito BULLYING.E como muitos pensam O RESPEITO ACIMA DE TUDO!!

BJS!

Postar um comentário

Agenda do Recife

REVISTA VOCÊ RH

Google+ Badge

Lomadee, uma nova espécie na web. A maior plataforma de afiliados da América Latina.

Consultoria de RH

Lomadee, uma nova espécie na web. A maior plataforma de afiliados da América Latina.

Me leve com você!

Adicione seu Email

E-book

E-book

COMPRAR E-BOOK

Tradutor

Translator

    English French
    German Spain
    Italian Dutch
    Russian Japanese
    Korean Arabic

Arquivo do blog