http://br.jooble.org/

Siga-me no Twitter

Me leve com você!

Visitantes

Download

Postagens populares

Venha para Facho

PageRank

Verifique o PageRank de qualquer página da web instantaneamente:
  
Esta ferramenta gratuita é fornecida por MestreSEO.

SOS NATUREZA

SOS NATUREZA

Seguidores DIHITT

Seguidores

Quem sou eu

Minha foto
Psicóloga, Blogueira, adepta da meditação e alimentação saudavel. Experiência em empresas da área de mineração, bancacaria, varejo e consultoria de RH, habilidade em recrutamento e seleção, rotinas de departamento pessoal, habilidade para aplicação de testes para ingresso em empresas, treinamento, capacitação e avaliação de pessoal. Empática, localizo prioridades de cada pessoa para melhor aproveitamento. Comunicativa e pró ativa. Pontos fortes: criatividade, solução de problemas, facilidade social. Analiso os elementos internos e externos holisticamente na tomada de decisões. Focada sempre nas metas e resultados.

"Pessoas bem sucedidas"

Pessoas bem sucedidas procuram soluções quando encontram um problema pela frente. Não perdem tempo se queixando, porque vêem os problemas como oportunidades de se superarem. Assim, as pessoas bem sucedidas são, normalmente, aquelas que acham soluções - enquanto o resto se queixa.

Blogger Themes

Pesquisar neste Blog

Pages

quinta-feira, 31 de maio de 2012

Psicologa e Blogueira em busca de novos desafios na área de RH


Estou em busca de novos desafios profissionais, venho através desse post, apresentar meu currículo, para que possa ser apreciado por todos, e caso apareça alguma oportunidade na área de RH, por favor entrar em contato através de meu email mcosta-tradicao@hotmail.com


APRESENTAÇÃO
Psicóloga com especialização na área Organizacional. Experiência em empresas da área de Varejo, consultoria de RH e TELECOM, habilidade em recrutamento e seleção, rotinas de Departamento de Pessoal, habilidade para aplicação de testes para ingresso em empresas, treinamento, capacitação e avaliação de pessoal. Empática, localizo prioridades de cada pessoa para melhor aproveitamento. Comunicativa e proativa. Pontos fortes: criatividade, solução de problemas, facilidade social. Analiso os elementos internos e externos holisticamente na tomada de decisões. Focada sempre nas metas e resultados.

DADOS PESSOAIS
Nome: Maria do Carmo da Costa.
Estado civil: Solteira.
Endereço: Boa Viagem- Recife-PE
E-mail: mcosta-tradicao@hotmail.com
Blog: http://comoserumprofissionaldesucesso.blogspot.com/
Perfil PDA: http://public.pdainternational.net/mariadocarmo_costa_19399/

OBJETIVO
Atuar na área de Recursos Humanos.

GRADUAÇÃO Instituição: FACHO (Faculdade de Ciências Humanas de Olinda).
Curso: Graduação em Psicologia.

EXPERIÊNCIA PROFISSIONAL 1
Empresa: LABORH Consultoria
Cargo: Analista de R&S
Período: 07/2011 aos dias atuais
Recrutamento e Seleção de Pessoal; orientação, capacitação e treinamento dos candidatos; preparação e efetivação de dinâmicas de grupos; aplicação e avaliação de testes psicológicos (AC, QUATI, Palográfico, Grafológico, IFP,HTP, Discon, G-36 e R-1) e testes avaliativos (português e matemática); elaboração de pareceres de entrevistas; acompanhamento dos processos admissionais do Departamento Pessoal. Contato direto com gerentes / clientes de grandes, médias e pequenas empresas da Região Nordeste ; elaboração de planilhas comparativas dos candidatos para visualização facilitada; acompanhamento de todo processo seletivo (divulgações de oportunidades, identificação de perfil, encaminhamento ao gestor, entre outras); Elaboração e efetivação de KPI dos processos seletivos para controle de toda empresa.

EXPERIÊNCIA PROFISSIONAL 2
Empresa: Claro S/A
Cargo: Estagiaria de Recursos humanos- Tirei a licença maternidade da Analista de Treinamento Senior
Período: 09/2009 07/2011
Atribuições do cargo: Elaborar conteúdo de treinamento, bem como sua organização; Manusear o sistema integrado para unificar as informações do setor de treinamento. Trabalhos de planos de desenvolvimento individuais e por equipe baseado em gestão por competência, levantamento de necessidades, logística de treinamento, avaliação de eficácia,
pesquisa de clima, capacitação e avaliação dos multiplicadores; ministrar treinamentos comportamentais;negociação e validação de custos com fornecedores; programa de responsabilidade social (qualidade de vida, voluntariado), comunicação interna.

EXPERIÊNCIA PROFISSIONAL 3
Empresa: Grupo Elektra e Banco Azteca
Cargo: Estagiária de Departamento de Pessoal
Período: De 09/2008 ate 09/2009
Atribuições do cargo: Desenvolvimento de toda a rotina de departamento de pessoal (controle e administração de benefícios, plano de saúde, admissão e demissão, realização de contratos), plano de cargos e carreira, treinamento de integração.

TRABALHOS COMPLEMENTARES:
Autora de um Blog sobre RH http://comoserumprofissionaldesucesso.blogspot.com.br/, com mais de 700 mil visitantes e 920 mil páginas acessadas. Ficando entre os 30 melhores Blogs do Brasil na categoria Empreendedorismo no prêmio TOPBLOG. Ganhou uma matéria exclusiva no site da Empresa de Telecom Claro S/A
http://www.claroblog.com.br/conteudo.asp?post_id=620#
Head Hunter especializada no recrutamento de profissionais de nível executivo para as empresas MV Sistemas, Holding Brasil Novos Negócios, Maersk

quarta-feira, 30 de maio de 2012

Resiliência esta na moda, mas afinal o que é isso?








Conforme em um post anterior, prometi que escreveria sobre resiliência, e estou cumprindo minha promessa. É a competência do momento, livros, jornais e revistas deixaram um pouco o tema liderança de lado - cá entre nós, já estava ficando cansativo - e passaram a falar de Resiliência, palavra conhecida para alguns e desconhecidas para muitos, mas afinal o que significa esse termo, que hoje em dia virou moda nas organizações. 

Na verdade a psicologia tomou emprestado o termo resiliência da física, pois é um conceito da física, utilizado primeiramente pela engenharia que se refere a capacidade de um material sofrer tensão e recuperar seu estado normal, quando suspenso o "estado de risco. Mas para a psicologia, resiliência significa a capacidade de superar todas as adversidades enfrentadas, duas competências muito importantes para ser resiliente é a autoconfiança e autodisciplina, pois temos que acreditar que podemos, como dizia o grande poeta Carlos Drummond "A dor é inevitável, mas o sofrimento é opcional”. Somos donos do próprio destinos, temos que reinventar a cada momento. Hoje as organizações querem pessoas assim, que sejam resilientes, que tenham atitudes, não tire o time de campo no primeiro problema que aparecer, ao contrario querem que as pessoas tenham a excelência nas resoluções dos problemas, pois o querer desmistifica o problema.

Como cultivar a resiliência

No livro "Resiliência - A transformação como ferramenta para construir empresas de valor", o consultor dá algumas dicas de como se tornar um profissional resiliente. Comece se questionando:

- No momento em que o obstáculo apareceu, você caminhava para alcançar o quê?

- Você está alinhado a algum processo ou desafio estratégico?

- Você procura olhar para a verdadeira dimensão da realidade, transformando a tensão e o foco de energia não em adversidade, mas em um propósito maior?

- O que você considera como adversidade?

- O que você está fazendo com relação às adversidades?

- Que tipo de postura você adota: enfrentar a situação ou se desviar do problema? (seja sincero na resposta)

- O que você pode fazer para promover o crescimento e o fortalecimento da empresa?

Agora, analise a seguinte situação, para avaliar seu nível de resiliência: o gás explodiu e queimou a casa inteira:

Nível 1 de resiliência: recuperando-se de traumas:

- Atitude: Não se antecipou ao acidente nem à consequência dele.

- Resposta resiliente: "Eu não consegui, no momento, ativar recursos ou competências necessárias para controlar o acidente, mas saí vivo de lá".

Nível 2: tornando-se mais flexível, leve e consistente:

- Atitude: Conseguir agir bem diante do grau de exigência da consequência, mesmo sem ter se antecipado à situação.

- Resposta resiliente: "Eu consigo agir antes que a consequência se torne desastrosa".

Nível 3: Crescer, mesmo em ambiente de mudança e adversidade:

- Atitude: Necessidade de ampliar recursos para lidar com o alto nível de exigências das consequências em razão de não ter se antecipado à situação.

- Resposta resiliente: "Eu consigo construir competência a tempo de minimizar o impacto da consequência, ou seja, recorro a amigos, chamo os bombeiros, isolo materiais inflamáveis etc."

Nível 4: Antecipando acontecimentos e transformando a realidade:

- Atitude: Antecipar-se para que, frente à situação, nada de errado aconteça talvez nem a própria situação venha a acontecer.

- Resposta resiliente: "Eu me antecipo à situação, evitando que ela aconteça e obtendo total controle sobre a situação e/ou a consequência dela".

segunda-feira, 28 de maio de 2012

11 hábitos de pessoas muito improdutivas


Christian Barbosa, especialista em gestão do tempo, lista quais as atitudes que mais fazem você perder tempo no trabalho.



De aplicativos a métodos para lá de sofisticados para tornar o tempo mais rentável: nunca os profissionais tiveram tantos recursos para gerir a maneira como utilizam as horas, minutos e segundos que recheiam o expediente. Mesmo assim, muita gente ainda vive uma agenda caótica e um fim de mês de poucos resultados.
Confira abaixo quais os hábitos que mais contribuem para este cenário:

Hábito 1 Deixar a vida os levar

O principal erro de quem não consegue manter a agenda (e a vida) em dia é não planejar. “É aquela pessoa que faz tudo de última hora e não prevê o que pode acontecer”, diz o Christian Barbosa, especialista em gestão do tempo e fundador da consultoria TRIAD PS.
De fato, ao longo do dia (em alguns setores mais, em outros menos) imprevistos acontecem. E isso sempre determina um novo arranjo na ordem de prioridades. O problema não é este tipo de dinâmica, mas sim não controlar os itens que já são conhecidos previamente.
“Para planejar, você não precisa saber tudo que irá acontecer, mas pelo menos uma parte”, diz. “Se você nunca sabe nada, acaba não andando para frente, apenas patinando”.
Como mudar? Não se atenha apenas ao planejamento do dia seguinte. No mínimo, planeje os três dias que se seguem. Jamais lote sua agenda de compromissos, deixe sempre um espaço para imprevistos. Se você trabalha oito horas por dia, por exemplo, comprometa apenas de quatro a cinco horas. Dedique o tempo restante para aquilo que não estava no seu calendário previamente.
Hábito 2 - Acreditar que tudo é para ontem

Por não olhar de uma maneira criteriosa para o próprio tempo, há quem veja tudo (e todos) como prioridade. Resultado? “A pessoa faz tudo e lota sua agenda de coisas desnecessárias”, diz Barbosa.

Como mudar? Tenha uma postura crítica diante de cada demanda que cruza seu caminho. “Atividades importantes estão relacionadas com tempo e trazem resultado. As urgentes têm de ser feitas imediatamente. Essa diferenciação é vital”, diz.

Hábito 3 Subestimar as ferramentas de produtividade

Atire a primeira pedra quem nunca começou e abandonou rapidamente um novo aplicativo ou estratégia para gerir melhor o tempo. Mas, de acordo com o especialista, este é um outro deslize clássico de quem não consegue manter a vida em dia.

“Não é com duas ou três semanas que seu cérebro será treinado. Os resultados aparecem só a partir da quarta ou quinta semana”, diz o especialista.

Como mudar? Encare com mais seriedade (e estratégia) as ferramentas de produtividade (como agenda e aplicativos de gestão do tempo). Firme um compromisso com você mesmo de usar um (e apenas um) deles. Para tirar o máximo de vantagem destes programas, siga algum método de gestão do tempo.

Hábito 4 Supervalorizar o e-mail

Checar o e-mail toda hora, responder todas as mensagens sem qualquer critério é a senha para se perder no trabalho.

Como mudar? Determine horários para checar seus e-mails de acordo com sua rotina de trabalho. Não se renda à tentação de abri-lo a todo momento e responder todas as demandas.

Hábito 5 Ser viciado em redes sociais

De acordo com pesquisa da Triad, 85% dos profissionais brasileiros acessam redes sociais durante o expediente. Segundo Barbosa, não há nenhum problema neste hábito. “Não sou contra as redes sociais, entre uma tarefa e outra você até pode ver. Mas fazer isso com frequência pode te prejudicar”.

Como mudar? Assim como com o e-mail, determine horários fixos para acessar as redes sociais. E não se renda a tentação de sabotá-los ou estendê-los.

Hábito 6 Espalhar todas as informações

Agenda, post-it, lista de tarefas do Google, aplicativos. A lista de recursos para tornar a vida mais organizada é imensa. Mas o excesso deles na rotina pode atrapalhar. “Tem gente que coloca tudo o que tem para fazer nestas várias ferramentas. E, porque fez anotações em locais obscuros, não consegue se planejar direito”, afirma o especialista.

Como mudar? Foque em apenas uma ferramenta para organizar sua rotina. Faça uso dela de maneira estratégica.

Hábito 7 Não delegar

De medo de perder a própria posição a não ter ao seu redor pessoas com treinamento suficiente, os motivos que fazem com que os profissionais não saibam delegar tarefas são inúmeros. Mas a consequência, quase sempre, é a mesma: trabalho para além da conta e uma agenda caótica.

Como mudar? Tenha consciência de que crescimento na carreira sempre implica em mais responsabilidades. Mas isso não significa que você tenha que abraçar o mundo sozinho. Quanto mais delegar, mais tempo terá para se dedicar às tarefas da nova função com excelência.

“Atividades confidenciais e estratégicas que dependam da sua decisão devem ser executas por você. Tarefas mais operacionais podem ser delegadas”, diz Barbosa.

Hábito 8 Ser fã incondicional de reuniões

Viver o expediente com as portas fechadas em uma reunião definitivamente não é sinônimo de produtividade. Ao contrário. Segundo pesquisa recente da Triad, apenas 1/3 das reuniões são consideradas produtivas pelos funcionários. “As reuniões não têm qualidade, não são planejadas, são muito longas e não atingem os objetivos propostos”, diz.

Como mudar? Não faça reuniões para tudo. Quanto mais claro e pontual for o objetivo da reunião, melhor. Tenha como meta fazê-las curtas. O tempo ideal? Meia hora. O limite? Duas. E nada além disso.

Hábito 9 Roubar o tempo alheio

Por ter uma agenda caótica, quem é improdutivo tende a atrapalhar todos que cruzam seu caminho profissional. “É aquela pessoa que delega demais para a mesma pessoa. Por não anotar informações, liga para checar dados. Pede tarefas no fim do expediente”, diz.

Como mudar? Analise o tempo dos outros antes de passar qualquer demanda. Não fique centrado apenas nas suas necessidades.

Hábito 10 Ser desorganizado

Organização é palavra de ordem para quem quer ter dias produtivos. Quem já sofreu para encontrar um arquivo em meio a confusão da mesa ou do computador sabe bem o que isso significa.

Como mudar? Quanto mais sua mesa estiver limpa, organizada e funcional mais você economizará tempo produtivo. Por isso, dedique-se a manter tudo, desde anotações até arquivos no computador, segundo uma lógica.

Hábito 11 Não ter tempo para si mesmo

Pessoas improdutivas não são as que mais se dedicam a sua vida pessoal. Ao contrário. No sufoco para manter a rotina profissional em dia, elas são as que mais sabotam o tempo dedicado para assuntos para além do expediente. “A produtividade está diretamente ligada à energia. Se a pessoa não tem tempo para descansar, perde a energia e, com isso, a disposição para trabalhar”, diz Barbosa.

Como mudar? Pense na sua agenda de forma a dedicar tempo, sim, para você mesmo e para outros assuntos pessoais. “Se a gente não tem tempo para quem faz diferença na nossa vida, no leito de morte, iremos nos arrepender pois é isso que faz a vida valer a pena”, afirma o especialista.

Fonte: Exame.com
quinta-feira, 24 de maio de 2012

Inscrições abertas para Y2BRecife 2012




Se você é criativo e inovador, é amante das redes e mídias sociais, não pode perder o evento Y2BRecife 2012 , Soluções criativas e empreendimentos inovadores na era digital. Venha navegar com os principais profissionais da atualidade.





Com que roupa ir a uma entrevista de emprego?




Oh dúvida cruel, saber com que roupa ir para uma "entrevista de emprego". Primeiramente vou escrever o que não se deve usar em uma entrevista de emprego de maneira alguma, pois alguns figurinos podem garantir uma imediata impressão negativa do entrevistado, ofuscando todas as qualidades profissionais que poderiam ser relevadas na entrevista.

1°Meninas deixem as blusas decotadas e minissaias para a balada, excluam esse vestuário de seu guarda roupa na hora de escolher uma roupa para uma entrevista e para os meninos nada de camisetas mostrando os músculos, deixem para mostrar na praia ou academia que é o local adequado;
2°Nada de maquiagem extravagante, batom cor de sangue, lápis parecendo uma vampira, deixe isso para seleção de modelos;
3°Não ir de óculos de sol no alto da cabeça ou fones de ouvido no pescoço;
4°Sapato inadequado. Nem pense em tênis, sandálias ou qualquer tipo de sapato aberto.
Uma entrevista de emprego requer seriedade e por isso é importante que o candidato se preocupe com o figurino. Os empregadores costumam reparar em tudo, inclusive no traje, então escolha roupa que se enquadrem no cargo que você deseja ocupa e na cultura da empresa. .Agora o mais importante “Que roupa usar numa entrevista de emprego?

·                     DICAS QUE FAZEM A DIFERENÇA PARA AS MULHERES:
-Quadril largo - use colares, lenços para chamar a atenção para a parte de cima;
-Pernas Grossas - prefira roupas mais escuras, sempre no tom da saia;
-Pernas Finas - abuse de calças de cores claras e estampadas. Evite calças justas;
-Busto Grande - use blusas mais soltas, blazer de gola fina, sem muitos botões e enfeites;
-Pouca estatura - não use roupas com detalhes horizontais de uma só cor. Não use cintos contrastantes. Escolha sapatos leves e delicados, não de saltos exagerados;
-Muita estatura - Não use uma só cor nas roupas. Abuse de acessórios grandes e cintos largos;
-Mais cheinhas - prefira calças de corte reto e blazers na altura dos quadris. Não use ombreiras nem roupas com bolsos grandes próximos aos seios. Use apenas peças com listras verticais e estampas pequenas com fundo escuro. Cores escuras disfarçam o excesso de peso e túnicas e camisões escondem a cintura e os quadris. Não use cintos.

·                     DICAS QUE FAZEM A DIFERENÇA PARA OS HOMENS:
-Terno: Não feche o último botão.
-Calça: Deve chegar até a metade da altura do calcanhar do sapato;
-Jeans: Combina apenas com blaiser esportivo, em ambientes informais;
-Meias: Devem combinar com o conjunto de cores do vestuário.

"O importante é saber que uma boa apresentação causa grande impacto no primeiro momento, mas o que vai contar mesmo são suas habilidades e competências para aquele cargo almejado".


quarta-feira, 23 de maio de 2012

Vaga em Recife:Analista de DHO / RH

LOCAL DE TRABALHO – RECIFE

Empresa de grande porte do segmento Industrial com mais de 30 Unidades em constante processo de crescimento por expansão e aquisições. 

A Posição:
Com reporte a Gerência de DHO – Desenvolvimento Organizacional será responsável por:
· Implantação da cultura de Gestão De Pessoas nas Unidades Recife, Natal e Petrolina.
· Implantar e sistematizar as políticas e práticas dos subsistemas de DHO - Captação, Remuneração, Treinamento, Desenvolvimento, Clima, Comunicação e Responsabilidade Social.
· Atuar de forma generalista e como agente de transformação, apoiando os gestores na Gestão de Pessoas.
Perfil Ideal

· Formação de Nível Superior em Administração de Empresas, Psicologia, Engenharia ou outra.

· 4 anos de experiência adquirida na área de Desenvolvimento Organizacional / Recursos Humanos na posição de Analista em empresas industriais.

· Experiência generalista, capaz de conduzir as diversas frentes de DHO e suportar os gestores nas questões relacionadas à Gestão de Pessoas. 

· Visão Sistêmica e de Negócios.

Excelentes condições de trabalho, nível de remuneração e benefícios e PLR de até 3 salários.

Interessados enviar CV PARA focal@focalpointexecutivos.com.br

Programa de Estágio BRASKEM 1º Semestre 2012




Braskem é a maior produtora de resinas termoplásticas das Américas. Com 35 plantas industriais distribuídas pelo Brasil, Estados Unidos e Alemanha, a empresa produz atualmente mais de 16 milhões de toneladas de resinas termoplásticas e outros produtos petroquímicos.
Você deve estar curioso para saber em que tipo de estudante a Braskem está de olho, não é mesmo? Então, vamos lá: jovens que buscam fazer o que gostam e não recuam diante de obstáculos, tenham iniciativa, vontade de aprender e de se atualizar constantemente, facilidade para trabalhar em equipe, habilidade de comunicação, ambição de propósitos e espírito construtivo.

Os pré-requisitos são:
• Conclusão do curso entre Julho/ 2013 e Julho/ 2014.

Lembrando que para participar do programa de Estágio você deve fazer dois cadastros um no Portal  Braskem e outro no Vagas.com, para onde você será direcionado após seu cadastro no Portal clicando no logo do Programa de Estágio.
INSCRIÇÕES ATÉ O DIA 07 DE JUNHO DE 2012.

Para mais informações acesse: http://www.jovensbraskem.com.br
segunda-feira, 21 de maio de 2012

Você Vive no Mundo Real ou Imaginário?


Com os grandes problemas que assolam nossa sociedade, o nosso mundo real está cada vez mais difícil de viver, pois está repleto de preconceitos, indiferença, violência, tristeza, desigualdade social, depressão, acontecimentos chocantes assim como vemos hoje todo dia nos jornais. Principalmente no mundo corporativo, onde a cobrança por resultados é grande, metas e mais metas, cada um querendo ser melhor que o outro, é difícil suportar esse mundo no qual vivemos, nem sempre se pode fazer o que quer, pois existem regras que dizem o que devemos ou não fazer, ou seja, o que é "certo" e o que é "errado".

Já no mundo imaginário, vivemos as fantasias que estão no nosso inconsciente e que no mundo real não podemos colocar em prática, também ditamos nossas próprias regras, somos donos do nosso destino e fazemos o que temos vontade, sem ninguém para criticar, podemos ser quem a gente quiser fazer nossa própria história sempre com o final feliz.

Na verdade não sei o que é mais prejudicial, ser muito cético, e só viver no mundo real, ou ser muito fantasioso, e criar o mundo imaginário e não querer sair dele. Acho que temos que ter um equilíbrio, como pisciana, sou muito sonhadora, adoro penetrar no mundo de sonhos e fantasias, no qual sentiria plenamente realizada e nesse mundo teria muita paz, amor, igualdade entres os povos, mas mesmo sonhando e idealizando esse mundo, eu tenho meus dois pés no chão, pois eu procuro trabalhar e correr atrás dos meus sonhos para que um dia esse mundo possa vir a se tornar real.


Mas quando uma pessoa cria um mundo destes e se fecha para a realidade, não totalmente, mas na parte sentimental principalmente, ele se torna mais fria, trata situações como se já tivesse vivido aquilo e compara tudo a seu mundo. Depois de um bom tempo neste mundo imaginário a saída já é distante, enfrentar o mundo real é algo que se tornará trauma, pois os traumas já são modelos prontos na mente, empilhados um a um em um imenso muro do qual sair significa derrubar o muro e ser exposto ao mundo real. Algo que deve ser feito com uma mente forte e com muito apoio de outras pessoas.


Por isso que devemos ficar no mundo real, mesmo às vezes, sendo o mundo com vários problemas, mas temos que encontrar soluções para resolvermos esses problemas e sem deixar de sonhar, pois Mundo Real pode melhorar, mas não devemos esperar alguém começar a fazer essa mudança, se cada um fizer a sua parte chegaremos mais perto de um mundo mais IDEAL.

sexta-feira, 18 de maio de 2012

As Dinâmicas De Grupo Mais Populares




Descubra quais são as Dinâmicas aplicadas com mais freqüência pelos recrutadores e veja dicas para ter sucesso durante o processo


Para muitos candidatos, a dinâmica de grupo é um dos momentos mais críticos de um processo seletivo. Além de ter de interagir e se destacar em meio a pessoas desconhecidas, é exigido do participante jogo de cintura para saber lidar com jogos e atividades propostos na hora. “A dinâmica de grupo em processos seletivos visa identificar o candidato certo para uma vaga específica. Por isso, a atividade aplicada deve ser análoga à função do cargo oferecido”, afirma Roberto Hirsh, da SBDG (Sociedade Brasileira de Dinâmica dos Grupos). Deste modo, a maior dica para o candidato é ter certeza de que possui o perfil desejado pela empresa. “O maior inimigo do candidato é ter o perfil inadequado para o cargo, e não as pessoas que estão concorrendo com ele”, explica a psicóloga organizacional Beatriz de Campos, consultora da Pensare Consultoria.

Mas como os selecionadores optam por aplicar esta ou aquela dinâmica? “Cada profissional tem seus autores de dinâmica favoritos. No meu caso, gosto do trabalho de Maria Rita Gramigna e Marise Jalowitzki, entre outros. Além disso, pesquiso em sites especializados”, conta Beatriz. Não há como prever qual tipo de dinâmica será aplicado em determinada empresa, mas estudar alguns exemplos pode ajudar em sua preparação.

Confira algumas vivências freqüentes em processos seletivos:

- Apresentação: Antes de começar a trabalhar em grupo, é preciso conhecer cada um dos candidatos. A apresentação p ode ser feita apenas oralmente, quando cada participante fará uma pequena descrição de sua vida pessoal e profissional . Não se esqueça, porém, de que sua apresentação pessoal já estará sendo avaliada pelos recrutadores, que irão verificar sua habilidade em falar sobre si;

- Atividade individual: Também é uma opção de avaliação do selecionador, que busca examinar a capacidade do candidato em se expor a outras pessoas, competência na argumentação e fluência verbal ;

- Redação: Algumas empresas pedem durante a dinâmica que os candidatos escrevam um texto (cujo tema pode ser específico ou livre) para avaliar o domínio da língua escrita – seja em português ou outro idioma requisitado pela vaga. Portanto, revisar sua ortografia antes de encarar o processo é uma dica valiosa ;

- Simulação de vendas: Não é raro que os recrutadores peçam para os participantes se dividirem em grupos e bolarem uma estratégia de venda para determinado produto. Geralmente esse tipo de dinâmica ocorre quando a vaga em questão está relacionada ou necessita de algumas competências de um profissional de vendas ;

- Trabalho em equipe: Inúmeras dinâmicas têm o objetivo de avaliar como o candidato interage em grupo – se é introvertido ou não, engajado com a equipe ou relapso, possui capacidade de argumentação ou não, apresenta características de liderança ou de liderado, etc. 


Conquistando o sucesso

Muitas competências são avaliadas durante todo o processo e, por mais diferentes que sejam as vagas, algumas habilidades são sempre bem vindas, tais como: criatividade, flexibilidade, iniciativa, capacidade de negociação, foco em resultados, capacidade de trabalho em equipe, autoconfiança, liderança, estabelecimento de metas e tomada de decisão. É muito importante que você se prepare e estude bem a empresa e o cargo pretendido, contudo, lembre-se de que sua atitude deve ser o mais natural possível. Não tente decorar o que vai fazer na dinâmica. Você ficará mais ansioso e as chances de falhar aumentam. Como você não pode prever quais serão as atividades aplicadas, veja quem é o candidato que os avaliadores procuram - em todos os tipos de dinâmica:

  • Aquele que é seguro de si, que possui valores, metas e idéias condizentes com as da empresa;
  • Acompanha o ritmo da equipe, respeitando e colaborando com os membros participantes;
  • Desempenha sua tarefa com o uso do raciocínio, planejando e executando o trabalho de forma organizada, expondo suas idéias com fundamento;
  • Aceita os demais membros, promovendo-os também para o sucesso e êxito em seu desempenho.
É automaticamente descartado quem:
  • Demonstra comportamento arrogante;
  • Possui timidez demasiada, sem participação efetiva;
  • Finge comportamentos;
  • Boicota algum membro do grupo;
  • Busca destaque em excesso, não permitindo a participação dos demais membros.
Fonte: www.empregos.com.br
quarta-feira, 16 de maio de 2012

Fato ou Mito? Beleza atrapalha na hora da entrevista de emprego?



Particularmente para mim é puro mito, a beleza nem ajuda e nem atrapalha, o que vai contar é sua desenvoltura na hora da entrevista e suas habilidades e competências para aquele determinado cargo. Mas claro que a gente sabe que algumas vagas as empresas realmente dão preferência à aquelas pessoas que tem melhor aparência,  e tem aquelas empresas que preferem pessoas que não tem um aparência muito legal para determinados tipos de vagas.

Já me perguntaram se era verdade, que as psicólogas que faziam o recrutamento dos candidatos, preferiam não contratar as mulheres bonitas, com receio e medo delas poderem se destacarem, isso é pura fantasia das pessoas. Na empresa que trabalho o que mais tem são mulheres bonitas, e digo uma coisa, elas não estão lá por causa da beleza e sim, porque tem talento e potencial, e souberam demonstrar muito bem na hora da seleção.

Se a candidata for bonita ou não, isso é o menos importante, mas claro independente da beleza, a pessoa com certeza tem que ter uma aparência agradável, se vestir bem, ter as unhas sempre bem cuidadas, não abusar de decotes, saber realmente ter postura profissional, e agirem desse jeito, a beleza só vai ser mais um ponto a favor, hipócrita é quem diz que não gosta de trabalhar ao lado de pessoas bonitas. Apesar que para mim a beleza é singular, cada um tem a sua.
terça-feira, 15 de maio de 2012

Os Testes e avaliações mais Usados em Recrutamento e Seleção


Os testes psicológicos ou avaliações especificas estão sendo usado pelas empresas como uma ferramenta à mais no processo de seleção, pois ajudam a avaliar os aspectos intelectuais, cognitivos, de personalidade e técnicos do candidato. Sendo que alguns testes ainda não são reconhecidos pelo CRP(Conselho Regional de Psicologia), pois para eles, alguns testes não tem validade nenhuma, e são muito tendencioso, e não podem interferir na escolha do candidato. Os testes mais utilizados no processo de recrutamento e seleção são:


Palográfico: É uma técnica expressiva de avaliação da personalidade, onde perfil da personalidade é obtido através da análise dos traçados.


AC(Atenção Concentrada): Teste que objetiva mensuração da atenção, concentração, rapidez e exatidão, pode ser aplicado individualmente ou coletivamente. Indicado para seleção de pessoal, principalmente aos cargos de digitadores, datilógrafos, programadores, telefonistas, redatores, etc.


QUATI: Instrumento investigativo baseado na teoria Junguiana e em sua tipologia que objetiva avaliar a personalidade através das escolhas situacionais que cada sujeito faz. É uma tentativa de definir estilos cognitivos e de comportamento individual, classificando semelhanças e diferenças em determinados grupos, auxiliando na organização de grupos de trabalho, na detecção e solução de conflito nas Organizações, no treinamento empresarial e remanejamento de pessoal, na criação de programas de ensino-aprendizagem, na orientação de pais e professores, na orientação vocacional e aconselhamento familiar.


Grafológico: É um teste que avalia a personalidade por meio da escrita. É possível, através deste teste, conhecer as características pessoais do escritor, bem como, a evolução de sua personalidade, sendo necessário para tanto possuir amostras de grafias em diversos momentos de sua vida.


Testes de QI: É um teste que mensura o nível de sua inteligência intelectual


Testes de Conhecimentos Específicos: São testes que avaliam os conhecimentos de português, matemáticas e atualidades.



IFP(Inventário Fatorial de Pesonalidade: É um teste de pesronaldiade de objetivo, de natureza verbal, e visa avaliar o indivíduo de natureza normal em 15 necessidades ou motivos psicologicos.

PI (Predictive Index): É um teste de previsibilidade, desenvolvido pela americana Praendex. Traça o perfil das pessoas, de suas competências, potencialidades e talentos.

   


Albert Einstein criou este teste de QI(raciocínio lógico) no século passado e afirmou que 98% da população mundial não é capaz de resolvê-lo.Quem quiser tentar é só acessar o link
http://rachacuca.com.br/teste-de-einstein/, quem conseguir é só postar um comentário e quem não conseguir pode informar também. Boa sorte!



Lomadee, uma nova espécie na web. A maior plataforma de afiliados da América Latina.

sábado, 12 de maio de 2012

As mães bem sucedidas!




Gostaria de desejar um Feliz Dia das Mães e trago um texto homenageando aquelas PROFISSIONAIS BEM-SUCEDIDAS E... MÃES!


A profissão delas requer uma série de habilidades e muita, mas muita paciência mesmo! O seu dia começa bem cedo, antes de todos acordarem, e termina bem tarde, quando todos já estão dormindo.

Ocupar esta vaga não é para qualquer um: é necessário ser organizado, motivado, bem relacionado, esforçado, dinâmico, e uma lista infinita de outras qualidades...

Estamos falando sobre a Presidência de uma empresa?

Não!

Estamos falando dela, aquela pessoa que está sempre lá quando você precisa: suamãe! Hoje, em tempos modernos, ela trabalha freneticamente, sem parar, numa jornada dupla - muitas vezes tripla! Além de mãe, ela tem uma carreira profissional pela qual zelar, e é exatamente aí que está o seu maior desafio."Acredito que todas as mulheres, independentemente de classe social ou nível cultural, todas que trabalham, cuidam da casa e dos filhos ou estudam, mesmo que nunca tenham escutado termos como Planejamento Estratégico, Foco nas Ações e Resultados e Planejamento do Tempo já fazem isso diariamente!", afirmaElisa Elena Strack, secretária-assessora da Presidência doGrupo Paquetá Calçados.

Para ela, se a mulher quer trabalhar fora para desenvolver sua carreira profissional ou ajudar com as despesas da casa, ela deve, antes de mais nada, se conscientizar que precisa planejar suas ações e pensar no melhor modo de realizá-las.

A diretora daSEC Talentos Humanos,Stefi Maerker, acredita ser possível existir equilíbrio entre trabalho e família."Para ter equilíbrio é preciso definir as prioridades e cumpri-las. Saber o que é importante a longo prazo e o que é urgente a curto prazo. É preciso ter claro que trabalhamos com necessidades nossas e de pessoas que estão ao nosso redor". O nosso bem mais precioso - o tempo - é fator de grande relevância para tudo dar certo."É preciso esquematizar o nosso dia de forma que tenhamos tempo para imprevistos", complementa Stefi.


A HORA CERTA!

A decisão que mais incomoda e que é a mais difícil de ser tomada é em relação a quando ter filhos. A principal preocupação é não ter tempo para os filhos ou não ter tempo para o trabalho.

Como saber qual é a hora certa?

Stefi dá as dicas:"Em primeiro lugar, estar com o companheiro certo, ter uma certa estabilidade financeira que permita ter este filho e visualizar como vai ser o futuro desta criança e dos pais, sem perdas, mas de forma que todos fiquem bem".

O companheiro também deve empenhar um papel importante na rotina da família."Houve uma época em que meus filhos ainda eram pequenos e aceitei o convite de ir trabalhar longe de casa e não retornar na hora do almoço, o que naquela época era fundamental! Aceitei devido ao comprometimento do meu marido de que ele assumiria esta função e o compromisso de estar junto às crianças", conta Stefi."Quanto optei em ter filhos foi, seguramente, o maior planejamento que tive que fazer em minha vida. Como ter filhos e ser uma boa mãe sem estar presente e sem interromper minha vida profissional? Como atender as duas necessidades com qualidade?", lembra a secretária Elisa.

Para ela, o grande aprendizado foi exatamente este impasse que fez com que ela aprendesse a delegar e confiar."É neste momento que você precisa ter a humildade de reconhecer que não somos nada sozinhos e que o nosso sucesso dependerá sempre da assessoria de muitas outras pessoas maravilhosas que fazem o nosso dia-a-dia ser mais facilmente administrável".


QUALIDADE DE TEMPO

Uma prática que pode dar certo é a substituição da quantidade de tempo pela qualidade de tempo, que quer dizer fazer tudo de modo diferente. É tentar gerar resultados de forma diferente e aproveitar o tempo sem perdê-lo por coisas banais. Stefi explica que tem gente que demora muito tempo para decidir o que fazer."Fazendo isso, a pessoa não terá tempo de fazer o que realmente necessita, que é cumprir com o que prometeu".

A idéia é utilizar o tempo a nosso favor, fazendo com que ele se torne um tempo com qualidade, bem aproveitado."Por exemplo, se alguém me diz que é perfeccionista, eu procuro entender este conceito da seguinte maneira: não dá para fazer tentativas e erros por horas a fio. Para mim, perfeccionista é quem acerta na primeira, quem é bom no que faz, quem sabe fazer escolhas!"."Eu me programo, me organizo, delego e, com muita disciplina, vou acompanhando e finalizando cada tarefa e cada etapa da minha vida, sejam elas pessoais, espirituais ou profissionais", diz Elisa.

E qual é o segredo para ser mãe e profissional bem-sucedida?

Stefi dá a fórmula:"Ter o coração e a mente bem planejados. Não adianta um sem o outro; a combinação precisa estar bem balanceada. Na prática, é saber estabelecer seus objetivos, ser capaz de fazer os ajustes necessários para que eles se realizem e ser persistente para alcançá-los. Não é fácil, mas é possível!".



*Bruna Martinhoé jornalista da Catho Online. Tel.: (11) 3177-0879.

Fonte:PROFISSIONAIS BEM-SUCEDIDAS E... MÃES! – Especial - Jornal Carreira e Sucesso
terça-feira, 8 de maio de 2012

A vida é feita de escolhas! Quais as escolhas que você já fez?





Durante toda a nossa vida temos que optar por fazer escolhas, e essas escolhas irão ter as consequencias no decorrer da nossa jornada. Você pode escolher se vai ser um executivo de sucesso ou um comerciante decadente, isso vai depender do que você atraiu e escolheu para seguir esse caminho. Também você pode escolher se vai ficar sendo a simpática e sedentária gordinha ou vai querer emagrecer e praticar esportes. Essas decisões são simplesmente suas, ninguém pode decidir por você, a não ser que você seja uma sombra dos outros.

Mas essas escolhas são difíceis, nem sempre fazemos as escolhas certas, mas quando temos essa consciência devemos tirar uma grande lição de aprendizado. Quando acordo eu tenho duas opções de  escolha, de acordar alegre e entusiasmada ou ficar de cara emburrada e triste, sempre escolho a que me faz sentir melhor, temos que levar e ver a vida de uma forma positiva, mesmo que as vezes a  situação parece difícil, não podemos perder o controle e temos que saber ser resilientes e superar todas as adversidades.

No inicio de minha trajetória profissional eu escolhi que queria fazer letras e se tornar uma professora universitária, mas com o decorrer do tempo, percebi que estava enganada, não levava nenhum jeito para ensinar e não era o que eu queria; Não desisti das minhas escolhas  e fui tentar a faculdade de administração, passei mais dois anos na universidade e vi que detestava cálculos, coisas burocráticas e administrativas, e mais uma vez constatei que tinha feito outra escolha errada, e a partir daí quis entao seguir minha intuição, foi quando comecei a fazer o curso de psicologia, pois era tudo que sempre sonhei, inclusive várias pessoas diziam que eu levava jeito para psicologia e todas estavam certa, essa foi uma das melhores escolhas da minha vida, estou quase terminando a faculdade e trilhando uma trajetória profissional que tenho como objetivo de ser uma gestora na área de recursos humanos.

 Quando escolhemos as coisas com o coração e seguindo a nossa intuição tudo conspira ao nosso favor, então faça as suas escolhas e não deixe que elas sejam a dos outros. E você já fez algum tipo de escolha que transformou sua vida?

sexta-feira, 4 de maio de 2012

Você tem qualidade de vida?




Segundo a wikipedia qualidade de vida é  é o método usado para medir as condições da vida de um ser humano. Envolve o bem físico, mental, psicológico e emocional, além de relacionamentos sociais, como família e amigos e também a saúdeeducaçãopoder de compra e outras circunstâncias da vida. Não deve ser confundida com padrão de vida, uma medida que quantifica a qualidade e quantidade de bens e serviços disponíveis. Mas é exatamente isso que as pessoas pensam, que qualidade de vida está relacionado com ter uma mansão, um carro importado, muito dinheiro na conta, um super emprego, mas todos que pensam dessa forma estão enganados, pois se possuir tudo isso fosse sinônimo de qualidade de vida, os ricos eram todos felizes e tinham uma ótima qualidade de vida.


Mas essa não é a realidade, pois as pessoas que tem mais dinheiro, tem a tendência de viver isolado, na solidão, de focar só em ganhar mais, vive numa vida de ilusão e acredita que o ter é mais importante do que o ser. Na verdade a qualidade de vida vem de dentro para fora, primeiro temos que ter a capacidade do autodesenvolvimento e acreditar que possamos ter uma vida digna e não ter um alto padrão de vida.


Para mim qualidade de vida significa ter o controle da minha própria vida, trabalhar no que gosto e ser remunerada por isso, ter tempo para me dedicar ao meu blog , curtir a familia e ter momentos de lazer, viajar pelo menos uma vez ao ano, jogar conversa fora com os amigos, ter alguns minutos para meu autoconhecimento, fazer um trabalho voluntário, fazer cursos e participar de congressos, namorar muito e aproveitar a vida ao máximo.


Acho que não adianta trabalhar numa empresa que você ganhe um bom salário, mas que trabalhe 12 horas por dia, pois você não vai ter tempo para gastar o dinheiro  e talvez nem tenha com quem gastar, porque nessa altura, possa ser que sua familia lhe abandone, pois você não tem tempo para ela. Qualidade de Vida é saber usar nossos recursos internos. Mas como, sem saber que recursos são esses? Muitos dizem que não viemos com manual de instruções. Mas isso não é verdade. Viemos sim, só que a maioria de nós passa a vida toda procurando esse manual fora, quando ele está dentro. Essa busca incessante no lugar errado é motivo de muita ansiedade e decepção.


Por isso que a qualidade de vida está dentro de você, é só procurar e ter foco que você vai encontrar.

Agenda do Recife

REVISTA VOCÊ RH

Google+ Badge

Lomadee, uma nova espécie na web. A maior plataforma de afiliados da América Latina.

Consultoria de RH

Lomadee, uma nova espécie na web. A maior plataforma de afiliados da América Latina.

Me leve com você!

Adicione seu Email

E-book

E-book

COMPRAR E-BOOK

Tradutor

Translator

    English French
    German Spain
    Italian Dutch
    Russian Japanese
    Korean Arabic

Arquivo do blog