http://br.jooble.org/

Siga-me no Twitter

Me leve com você!

Visitantes

Download

Postagens populares

Venha para Facho

PageRank

Verifique o PageRank de qualquer página da web instantaneamente:
  
Esta ferramenta gratuita é fornecida por MestreSEO.

SOS NATUREZA

SOS NATUREZA

Seguidores DIHITT

Seguidores

Quem sou eu

Minha foto
Psicóloga, Blogueira, adepta da meditação e alimentação saudavel. Experiência em empresas da área de mineração, bancacaria, varejo e consultoria de RH, habilidade em recrutamento e seleção, rotinas de departamento pessoal, habilidade para aplicação de testes para ingresso em empresas, treinamento, capacitação e avaliação de pessoal. Empática, localizo prioridades de cada pessoa para melhor aproveitamento. Comunicativa e pró ativa. Pontos fortes: criatividade, solução de problemas, facilidade social. Analiso os elementos internos e externos holisticamente na tomada de decisões. Focada sempre nas metas e resultados.

"Pessoas bem sucedidas"

Pessoas bem sucedidas procuram soluções quando encontram um problema pela frente. Não perdem tempo se queixando, porque vêem os problemas como oportunidades de se superarem. Assim, as pessoas bem sucedidas são, normalmente, aquelas que acham soluções - enquanto o resto se queixa.

Blogger Themes

Pesquisar neste Blog

Pages

sexta-feira, 8 de junho de 2012

Recrutamento e Seleção, quem escolhe quem?





Sempre nos deparamos com temas sobre a escolha dos profissionais para fazerem parte de nossa equipe e, especialmente quando se trata de um profissional da área de marketing, em pequenas e médias empresas, a expectativa é muito grande.

Identificar e selecionar o melhor profissional para uma determinada oportunidade é sempre um ponto delicado, pois muitas vezes, depositamos neste novo colaborador todas as nossas expectativas para solução dos nossos problemas organizacionais.

E vocês, profissionais de marketing, preparem-se, pois as luzes da empresa se voltam para vocês com esperança de que alguma mágica sairá diretamente da caixinha do seu departamento e,consequentemente,  todas as questões serão imediatamente resolvidas. As vendas subirão imediatamente, a marca terá um valor infinito agregado da noite para o dia, e assim sucessivamente… Nossa e agora?

Como lidar com esta situação? A afobação em fazer acontecer talvez nos atrapalhe neste momento. Pare, perceba, identifique valores que regem a organização. Identifique a cultura, às vezes velada ou não, que permeia todas as relações organizacionais. Analise sua área de atuação e analise antes de tudo a si mesmo. Quais são minhas competências que terão de ser utilizadas neste primeiro momento? Eu me conheço? E conheço as minhas competências?

O profissional de marketing tende a conhecer do mercado, do externo, do macro, mas não pode se esquecer de olhar para dentro de si. Ouvi de uma amiga “Passamos da era do conhecimento para a era do autoconhecimento”. É justo! Pensem: Precisamos parar e nos analisar, só assim conseguiremos colocar nossas carreiras como produto diferenciado no mercado de trabalho.

Apenas assim, nos conhecendo, poderemos também recrutar e selecionar as empresas onde queremos e podemos contribuir. A entrada é a parte mais fácil. A permanência em uma organização é uma escolha. Esta escolha deve ser congruente com nossos valores pessoais e profissionais. Aí o processo será invertido. Nós selecionaremos a empresa onde queremos trabalhar. A decisão é nossa, o posicionamento é nosso. E a trajetória é muito melhor quando conduzida por nós mesmos.

Observem, avaliem, escolham e façam-se ser escolhidos pelas organizações onde, com certeza, o desenvolvimento do trabalho seja harmônico. Mesmo cercados de metas e pressão em busca de resultados devemos encontrar alguma coerência interna com nossas atividades do dia-a-dia. Temos que sentir um bem estar em fazer acontecer aquilo para o que estudamos e nos formamos. Tem que ser gratificante!

Só assim conseguiremos nos entender e identificar dentro de nós mesmos a capacidade de adequação, bem como atender as expectativas desta organização.
E acima de tudo entender e atender nossas próprias expectativas. Quero dedicar tempo e energia para realmente implantar o marketing na empresa? E como gasta tempo… E como gastamos energia…

No final, enxergar o resultado de nosso trabalho sempre é bom, é a concretização da nossa marca dentro da empresa. É nossa marca na história da organização. Perceber que fomos diretor atuante na consolidação de um cenário de sucesso é sem dúvidas um alívio e certeza de missão cumprida! É termos uma memória agradecida por tudo o que realmente estamos fazendo de nossa trajetória profissional.

*Ana Veloso é profissional de recursos humanos, coach e professora no B.I. International.

1 comentários:

Sandra Portugal disse... [Responder comentário]

Bom tema querida!
Eu ja' escolhi trabalhar com uma determinada executiva certa vez, e passados alguns meses de estudos e dedicacao, pude enderecar meu Curriculum para a empresa que Ela dirigia e, ela me escolheu! Foi algo magico, tipo lei da atracao! Projetei mentalmente estar trabalhando naquela empresa, com aquela executiva e meu sonho se tornou realidade, naturalmente, num processo normal de recrutamento e selecao. escolhi e fui escolhida e foi a experiencia profissional mais marcante na minha carreira!
Bj Sandra
http://projetandopessoas.blogspot.com//

Postar um comentário

Agenda do Recife

REVISTA VOCÊ RH

Google+ Badge

Lomadee, uma nova espécie na web. A maior plataforma de afiliados da América Latina.

Consultoria de RH

Lomadee, uma nova espécie na web. A maior plataforma de afiliados da América Latina.

Me leve com você!

Adicione seu Email

E-book

E-book

COMPRAR E-BOOK

Tradutor

Translator

    English French
    German Spain
    Italian Dutch
    Russian Japanese
    Korean Arabic