http://br.jooble.org/

Siga-me no Twitter

Me leve com você!

Visitantes

Download

Postagens populares

Venha para Facho

PageRank

Verifique o PageRank de qualquer página da web instantaneamente:
  
Esta ferramenta gratuita é fornecida por MestreSEO.

SOS NATUREZA

SOS NATUREZA

Seguidores DIHITT

Seguidores

Quem sou eu

Minha foto
Psicóloga, Blogueira, adepta da meditação e alimentação saudavel. Experiência em empresas da área de mineração, bancacaria, varejo e consultoria de RH, habilidade em recrutamento e seleção, rotinas de departamento pessoal, habilidade para aplicação de testes para ingresso em empresas, treinamento, capacitação e avaliação de pessoal. Empática, localizo prioridades de cada pessoa para melhor aproveitamento. Comunicativa e pró ativa. Pontos fortes: criatividade, solução de problemas, facilidade social. Analiso os elementos internos e externos holisticamente na tomada de decisões. Focada sempre nas metas e resultados.

"Pessoas bem sucedidas"

Pessoas bem sucedidas procuram soluções quando encontram um problema pela frente. Não perdem tempo se queixando, porque vêem os problemas como oportunidades de se superarem. Assim, as pessoas bem sucedidas são, normalmente, aquelas que acham soluções - enquanto o resto se queixa.

Blogger Themes

Pesquisar neste Blog

Pages

segunda-feira, 13 de maio de 2013

Empresas Verificam Perfis dos Candidatos nas Redes Sociais




As redes sociais viraram uma ferramenta a mais na hora de um recrutador selecionar um candidato, pois permitem que a empresa faça uma pré-avaliação da pessoa. Perfis nas principais redes como Twitter, Facebook, Orkut, canais no Youtube e até blogs são instrumentos de conteúdo para essas empresas. Elas estão usando as redes sociais para recrutar os candidatos e bem como para investigar os candidatos que estão sendo contratados. Os selecionadores podem tirar proveito das redes sociais, porque podem identificar o perfil, os valores e os interesses pessoais dos profissionais, verificando assim se eles são adequados à cultura e à ambientação da organização, antes mesmo de uma entrevista pessoal. Sendo que tem que ter um bom senso na criação de um perfil para uma rede social, principalmente quem quer mudar ou estar a procura de emprego.

A exposição excessiva na internet, conteúdo que não agregue a sua formação profissional pode ser prejudicial ao candidato, como também fazer parte de várias comunidades que não têm haver com a área de atuação. Se um headhunter busca profissionais de uma determinada área em comunidades voltadas para aquele mercado e ele não está nela, pode não ser visto com bons olhos, pois o candidato teria que pelo mesmo está nas comunidades relacionadas com sua área de trabalho. Comunidades e fotos duvidosas não devem fazer parte de seu perfil, e principalmente comentários preconceituosos e insultos devem ser banidos dentro da rede social que você participa.

Em compensação se o perfil e o conteúdo forem de boa qualidade, tiver um ótimo relacionamento interpessoal e networking nas redes sociais, escrever assuntos atuais e que agreguem valores para a empresa, o profissional pode estar propenso com certeza a conseguir a vaga. As redes sociais não só é uma ferramenta excelente para as empresas mais também para o candidato, é só sabe usar com bom senso.

11 comentários:

Fernandez disse... [Responder comentário]

Olá querida amiga!
Muito bom post! Com certeza é um critério que pode ajudar a conhecer um pouco mais o candidato.
Da mesma forma os sites dos contratantes também estão sendo, cada vez mais, consultados pelos candidatos.
Grande abraço, Fernandez.

blogdacomentarista disse... [Responder comentário]

Excelente postagem, Mary! E um importante alerta! A internet é uma excelente ferramenta, mas como em tudo na vida, o bom senso tem que prevalecer. Uma boa participação em redes sociais, com comportamentos e perfis adequados em redes sociais imagino que possa ser um ponto a favor de um futuro candidato à uma vaga. Já uma participação negativa pode vir a ser um fator dificultador.

Gostei muito do tema do seu artigo e da sua abordagem.

Bjs Denize

ahh.. Quem sou eu?!! disse... [Responder comentário]

Ola Mary

Participei a alguns meses atrás do processo seletivo da coca-cola e na ficha de inscrição eles pediam o endereço de todas as mídias sociais que o candidato participava. Eu respeito esse critério de seleção, pois teremos já um perfil do futuro funcionário, como ele poderá se portar e tudo mais. E a internet é um ótimo meio de saber se estão mentindo ou não. Não somos o sabe "tudo" e precisamos encarar aquilo que realmente dominamos.

bjs

Joicinha

Lady Sixties disse... [Responder comentário]

Oiii! Lá vai a pergunta: Como essas empresas ficam sabendo que temos orkut e etc?

bjs

edilene - amor disse... [Responder comentário]

Nossa
Maria,
interessante

historiadigital.org disse... [Responder comentário]

Eu acho que a netiqueta se torna cada vez mais importante, não só em termos pessoais, quanto - como vimos aqui - profissionais. Parabéns pelo post!

Um grande abraço,
@profmichel
www.historiadigital.org

Adelson (Gerenciando Blog) disse... [Responder comentário]

Olá, Maria!

Seu texto é interessante e me deixou aqui pensando. Por um lado, concordo com a visão das empresas, pois é uma forma de conhecer mais sobre a pessoa que está sendo contratada. A forma como ela comporta-se socialmente pode mostrar aspectos que influenciem em sua vida profissional

Por outro, me parece uma forma de cercear a liberdade de expressão das pessoas. Um exemplo: o fato de participar da comunidade de Orkut "Odeio acordar cedo" (da qual não participo, a propósito) não indica que a pessoa será um mal profissional. Mas, reconheço que é preciso ter limites e bom senso. Há alguns extremos que prejudicam muito a imagem da pessoa.

Um abraço e parabéns pelo texto!

Claudine Ribeiro G. Netto disse... [Responder comentário]

Olá amiga Maria, excelente texto abordado. Não acho certo que as empresas procurem saber se os candidatos participam de redes sociais, muitos deles mostram uma coisa e são outra totalmente diferente.

Bjão.

Pedro Silva disse... [Responder comentário]

É fundamental actualmente percepcionar a postura do candidato a vários níveis, tendo em consideração a função que irá desempenhar. Parabéns pelo artigo.

Anônimo disse... [Responder comentário]

Otimo texto,

Trabalho com recrutamento e seleção e ultilizo as redes sociais para conhecer um pouco mais do candidato e afirmo que tenho obtido sucesso na maioria das buscas, atraves das midias sociais consigo conhecer mais a fundo o perfil da pessoa que estou trazendo para minha organização, parabenizo pelo texto você conseguiu resumir em poucas palavras a importancia das midias sociais para o profissional de R&S.

Anônimo disse... [Responder comentário]
Este comentário foi removido por um administrador do blog.

Postar um comentário

Agenda do Recife

REVISTA VOCÊ RH

Google+ Badge

Lomadee, uma nova espécie na web. A maior plataforma de afiliados da América Latina.

Consultoria de RH

Lomadee, uma nova espécie na web. A maior plataforma de afiliados da América Latina.

Me leve com você!

Adicione seu Email

E-book

E-book

COMPRAR E-BOOK

Tradutor

Translator

    English French
    German Spain
    Italian Dutch
    Russian Japanese
    Korean Arabic