Pode votar a vontade!

Siga-me no Twitter

Me leve com você!

Visitantes

Download

Postagens populares

Venha para Facho

PageRank

Verifique o PageRank de qualquer página da web instantaneamente:
  
Esta ferramenta gratuita é fornecida por MestreSEO.

SOS NATUREZA

SOS NATUREZA

Seguidores DIHITT

Seguidores

Quem sou eu

Minha foto
Psicóloga,Blogueira,sou Analista de R&S numa consultoria de RH. Experiência em empresas da área de Varejo e consultoria de RH, habilidade em recrutamento e seleção, rotinas de departamento pessoal, habilidade para aplicação de testes para ingresso em empresas, treinamento, capacitação e avaliação de pessoal. Empática, localizo prioridades de cada pessoa para melhor aproveitamento. Comunicativa e pró ativa. Pontos fortes: criatividade, solução de problemas, facilidade social. Analiso os elementos internos e externos holisticamente na tomada de decisões. Focada sempre nas metas e resultados.
Loading...

"Pessoas bem sucedidas"

Pessoas bem sucedidas procuram soluções quando encontram um problema pela frente. Não perdem tempo se queixando, porque vêem os problemas como oportunidades de se superarem. Assim, as pessoas bem sucedidas são, normalmente, aquelas que acham soluções - enquanto o resto se queixa.

Blogger Themes

Pesquisar neste Blog

Carregando...

Pages

domingo, 13 de junho de 2010

Como Usar a Internet no Ambiente de Trabalho?


Qual é o limite para o uso sadio da internet no ambiente de trabalho? Uma pesquisa realizada pelo Instituto Qualibest sugere que as empresas precisam estabelecer parâmetros coerentes para isto. De acordo com a professora da Fundação Getúlio Vargas especialista em comportamento corporativo, Daniela do Lago, a relação entre funcionários e empregadores, no que diz respeito ao uso da Internet no ambiente de trabalho, deve ser liberal, mas com ressalvas.


Para Daniela, proibir os funcionários de usarem as ferramentas da internet seria inadequado, mas é necessário estabelecer regras que garantam algum controle, até mesmo como forma de proteção para a empresa. “O acesso às redes sociais e os downloads de programas e conteúdos inapropriados são uma prática cada vez mais freqüente nas empresas brasileiras. Isso sem contar o uso dos messengers e a propagação de e-mails desnecessários. O vazamento de informações confidenciais por meio de e-mails e MSN é cada vez mais comum, e acaba por afetar a competitividade das empresas”, ressalta a especialista.
 
Poucas empresas liberam totalmente o uso da internet aos seus funciónários, pois infelizmente muitas pessoas ainda não tem consciencia e não sabem usar a internet no trabalho para fins produtivos e profissionais , isso é uma pena pois a internet pode até atrapalhar, mas também podem ajudar o funcionário a ter ideias e a ser mais produtivo.
 
Já trabalhei em empresa que a internet era liberada, sem restrição alguma, e tive a consciencia e conseguir só usar com fins profissionais, pois era bem mais vantajoso ter conversas pelo msn com um colega do trabalho de outro estado, do que a empresa gastar horrores em dinheiro por ligação interurbana ou internacional.O gestor tem que educar, delegar tarefas e confiar, as pessoas que usam tem que ter responsabilidade, e alguém precisa definir os limites.
 
Punição


Descoberto o mau uso da internet dentro da empresa, cabe ao gestor o bom senso de proceder de maneira a evitar que a má conduta se repita. Para tal, não basta punir o responsável. Segundo Daniela do Lago, recomenda-se, em um primeiro momento, um contato objetivo e pontual com o funcionário para discutir a ocorrência. “Nessa conversa, deve-se deixar bem claro quais os limites de uso da internet”, afirma.


Caso haja reincidência, o procedimento deve ser outro. “Por exemplo: o funcionário foi advertido por utilizar o MSN ao longo do expediente. Caso a ocorrência se repita, uma demissão – ainda que sem justa causa – pode ser a alternativa mais eficaz”, pontua Daniela.
 
Fonte:http://noticias.admitese.com.br/empregos_nacional/template_interna_noticias,id_noticias=38425&id_sessoes=305/template_interna_noticias.shtml

11 comentários:

Principe Encantado disse... [Responder comentário]

Amiga Maria um post de alerta as pessoas que em seu ambiente de trabalho usam internet para interesse próprio, muito bom.
Abraços forte

Rosana Madjarof disse... [Responder comentário]

Mary,

Parabéns pela matéria, pois é de grande relevância o assunto abordado.

As empresas têm que ficarem atentas com o uso indiscriminado da Internet pelos seus funcionários, pois além de acabar atrapalhando no bom desempenho das funções de cada um, acarreta outra série de problemas para as empresas.

Adorei!

Bjs.

Ro.

Drauzio Milagres disse... [Responder comentário]

É preciso equilíbrio e bom senso.

No momento, há muita incompreensão e intolerância tanto por parte dos empregados como dos empregadores.

Um abraço.

Drauzio Milagres

Mad Resgate disse... [Responder comentário]

Ola Maria

Seu texto é pertinente
Muitos utilizam a internet de maneira desenfreada e isto acaba gerando consequências muitas vezes severas.
Em meu local de trabalho a rede mundial éliberada apenas para uso dentro do perfil profissional, não havendo condições para o uso livre, desta forma não existem punições, pois o uso é restrito apenas ao trabalho.
Esta é uma das maneiras de se coibir abusos.
Parabens pelo post
Um forte abraço
Mad

IL disse... [Responder comentário]

Fala aê, Mary. Beleza?
Muito bem abordado o tema. Algumas pessoas se esquecem que em seus locais de trabalho não devem, enquanto ali estiverem, se ater ou dedicar-se a questões pessoais. As empresas, cada vez mais, estão atentas a esse assunto e estão, realmente, aplicando punições quando entendem que assim devem proceder. Há de se ter cuidado a fim de evitar aborrecimentos e surpresas desagradáveis.

Grande e carinhoso abraço.
Ótima semana para ti.

Mr.Jones disse... [Responder comentário]

Deveria prevalecer uma lei e uma punição aplicada pra valer. Cansei de ver recepcionistas em clinicas ao inves de chamar os pacientes, ficarem de olho no Orkut ou MSN. Dá até raiva.

alex disse... [Responder comentário]

Oi Mary,legal,as empresas precisam estabelecer
critérios no uso da internet,principalmente
se o funcionário começar a roubar tempo da empresa
e não pruduzir.Caso o teimoso insiste em
não obedecer discordo de Demissão uma advertencia
de alguns dias pode faze-lo refletir que se continuar
pode ser desligado da empresa.Não estamos mais
sob a ditadura . . .

LISON COSTA disse... [Responder comentário]

Saudações!
AMIGA MARY, o seu texto é bastante lúcido no que diz respeito ao uso da internet no trabalho. Eu acho que deve prevalecer o caminho de meio, digo, a sensatez, agora um funcionário querer fazer uso diariamente e pessoal da net em pleno expediente, penso não ser muito condizente com as normas da maioria das empresas.
Parabéns por mais um excelente post!
Abraços,
LISON.

Lilian disse... [Responder comentário]

Olá querida Mary,

Seu texto é excelente e bem oportuno.Parabéns!

O uso da internet por empregados deve ser restrito ao trabalho. O bom empregado, por si próprio não usará para motivos pessoais e lazer, respeitando, dessa forma, a empresa que lhe garante o sustento de sua vida.

A paz do Senhor!
Carinhoso e fraterno abraço,
Lilian

Fatima Zanin disse... [Responder comentário]

Muito importante seu texto,já vi muitas empresas que proibiram o uso da internet na empresa,acho que quando liberado total pode prejudicar a empresa e o próprio funcionário.
Abçs.

Jackie Freitas disse... [Responder comentário]

Olá Mari, minha querida!
Excelente abordagem sobre um grande problema presente em grande parte das empresas! Acho que, como tudo na vida, o que excede e desrespeita os direitos do próximo, deve ser observado e pontuado.
Grande beijo,
Jackie

Postar um comentário

Agenda do Recife

REVISTA VOCÊ RH

Google+ Badge

Lomadee, uma nova espécie na web. A maior plataforma de afiliados da América Latina.

Consultoria de RH

Lomadee, uma nova espécie na web. A maior plataforma de afiliados da América Latina.

Me leve com você!

Adicione seu Email

E-book

E-book

COMPRAR E-BOOK

Tradutor

Translator

    English French
    German Spain
    Italian Dutch
    Russian Japanese
    Korean Arabic