http://br.jooble.org/

Siga-me no Twitter

Me leve com você!

Visitantes

Download

Postagens populares

Venha para Facho

PageRank

Verifique o PageRank de qualquer página da web instantaneamente:
  
Esta ferramenta gratuita é fornecida por MestreSEO.

SOS NATUREZA

SOS NATUREZA

Seguidores DIHITT

Seguidores

Quem sou eu

Minha foto
Psicóloga, Blogueira, adepta da meditação e alimentação saudavel. Experiência em empresas da área de mineração, bancacaria, varejo e consultoria de RH, habilidade em recrutamento e seleção, rotinas de departamento pessoal, habilidade para aplicação de testes para ingresso em empresas, treinamento, capacitação e avaliação de pessoal. Empática, localizo prioridades de cada pessoa para melhor aproveitamento. Comunicativa e pró ativa. Pontos fortes: criatividade, solução de problemas, facilidade social. Analiso os elementos internos e externos holisticamente na tomada de decisões. Focada sempre nas metas e resultados.

"Pessoas bem sucedidas"

Pessoas bem sucedidas procuram soluções quando encontram um problema pela frente. Não perdem tempo se queixando, porque vêem os problemas como oportunidades de se superarem. Assim, as pessoas bem sucedidas são, normalmente, aquelas que acham soluções - enquanto o resto se queixa.

Blogger Themes

Pesquisar neste Blog

Pages

sexta-feira, 8 de julho de 2011

Diferenças entre o rico e o pobre







Tire alguns minutos de seu tempo e leia com atenção este post e reflita um pouquinho!!! Veja a Diferença entre os Ricos X Pobres:  Na realidade rico não é rico por que tem dinheiro, mas porque tem um pensamento totalmente diferente dos pobres que por consequência tem mais dinheiro que o pobre.


·  O rico acredita que pode moldar o seu destino.

O pobre acredita que o destino acontece.

·  O rico assume o compromisso de ser rico.

O pobre gostaria de ser rico.

·  O rico entra no jogo do dinheiro pra ganhar.

O pobre entra no jogo do dinheiro pra não perder.

·  O rico usa juros a seu favor.

O pobre usa juros contra ele mesmo, porque quer tudo pra agora.

·  O rico admira pessoas ricas e as toma como exemplos.

O pobre detesta pessoas ricas e as toma como exemplos de mau caráter.

·  O rico se aproxima de indivíduos bem-sucedidos.

O pobre prefere amigos que, como ele, passam dificuldades financeiras e são fracassados.

·  O rico diz “como posso ter isso”?

O pobre diz “não posso ter isso”.

·  O rico estuda investimentos e faz planos.

O pobre diz que “não tem tempo para estas coisas”.

·  O rico é um ótimo recebedor.

O pobre é um péssimo recebedor.

·  O rico paga a si mesmo primeiro.

O pobre paga aos outros primeiro.

·  O rico prefere ser remunerado pelos resultados.

O pobre prefere ser remunerado pelo tempo dispendido.

·  O rico foca no patrimônio líquido.

O pobre foca no rendimento mensal.

·  O rico, quando sofre uma adversidade, se pergunta “como posso tirar proveito disso?”. O pobre, na adversidade, se lamenta.

·  O rico identifica os ricos pela sua educação financeira.
O pobre identifica alguém como “rico” pelos bens materiais que exibe.

·  O rico busca a prosperidade financeira.
O pobre confunde essa busca do rico com falta de espiritualidade.

·  O rico foca na solução.
O pobre foca no problema.

·  O rico, numa compra parcelada, calcula os juros embutidos e faz contas para decidir se a compra vale a pena.    
 O pobre só observa o tamanho da parcela.

·  O rico põe seu dinheiro para trabalhar duro para ele.
O pobre trabalha duro pelo seu dinheiro.

·  O rico administra bem o seu dinheiro.
O pobre deixa a vida o levar.

·  O rico tem uma visão realista dos investimentos.
O pobre quando investe pensa apenas no curtíssimo prazo e espera lucros absurdos.

·  O rico não despreza um rendimento passivo, mesmo que pequeno.
O pobre diz “o que adianta botar o dinheiro na poupança se rende tão pouco?”
·  O rico age apesar do medo.
O pobre fica paralisado pelo medo.

·  O rico foca em oportunidades.
O pobre foca em benefícios.

·  O rico pensa grande.
O pobre pensa pequeno.

·  Se o rico ganha um valor, em algum tempo o patrimônio terá aumentado. 
Se o pobre ganha um valor, em algum tempo o patrimônio terá desaparecido completamente.

·  Se você tirar todo o dinheiro de um rico, depois de algum tempo ele estará recuperado. Se você tirar todo o dinheiro de um pobre, ele dependerá de outras pessoas para sobreviver.

·  O rico diz “tenho que ser rico por causa de vocês, meus filhos”. 
O pobre diz “não sou rico porque tenho filhos”.

·  O rico tem um plano de independência para o futuro. O pobre acha que trabalhar até morrer e depender do governo e dos filhos é um plano razoável.

·  O rico diz “posso ter as duas coisas”.
 O pobre diz “posso ter isso ou aquilo”.

· O rico procura se aprimorar sempre.
 O pobre acredita que já sabe tudo.

·  O rico diz “que lição posso aprender com este erro?”. 
O pobre diz “desde o começo eu já sabia que não daria certo”.

·  O rico encara um fracasso como um aprendizado.
 O pobre encara um fracasso como um alerta para nunca mais se arriscar.

·  O rico fica cada vez mais rico. O pobre fica cada vez mais pobre.

E então, como você se vê depois de ler isso tudo? Junte-se ao time dos vencedores, ao time dos “Ricos”, não só ricos financeiramente mas ricos de informação. A intenção deste poste não fazer apologia ao rico ou ao pobre, mas sim lhe fazer refletir sobre o seu pensamento em relação a prosperidade. Desejo-lhe, prosperidade, Sucesso Sempre.

Fonte: Prof. Wagner Henrique

4 comentários:

Luis cláudio disse... [Responder comentário]

Belo post real e verdadeiro tem um ditado que diz que somos aquilo que pensamos não é uma questão de ter muito dinheiro ou não é uma questão de saber onde que chegar considerando que a maioria dos milhinários hoje foram pobres um dia e todos tem uma história de superação pra contar

Anônimo disse... [Responder comentário]

só me diz uma coisa!! vc concorda que o dinheiro serve principalmente para trazer a felicidade!!
mas sera que ser rico ou pobre faz diferença quando se trata de felicidade. a unica diferença é: o rico tem uma ferrari o pobre tem um carro popular ou o rico tem investimentos o pobre tem dividas, acho importante os pensamentos aqui destacados, por voce, mas num se trata de dinheiro, pensamento de rico ou de pobre, se trata do modo em que se vê a vida. afinal a vida é imprevisível, um dia se é muito rico, mas de uma hora pra outra se perde. é ai que agente pensa: sera que o rico desceria seu padrao de vida, para se adequar as novas necessidades?
pois é o importante é viver, pq a vida é curta e dinheiro nenhum compra outra vida, se vc tem a vontade de ser rico va enfrente. Mas nao rebaixe ou diga, que quem é pobre é burro ou é pessimista ou coisas piores q li nesse post. viva a sua vida naum se importe em ser pobre ou rico!! pq quando a vida chega ao fim, só deus sabe o nosso destino e ele num ta nem aí se vc é rico ou pobre!! mas se vc num acredita em deus entao ignore o que postei!

postei isso naum para afronta-la, me descupe se tiver sendo ignorante. sucesso pra ti.

Junior Observador disse... [Responder comentário]

"O rico estuda investimentos e faz planos."
Ah tá. Se for alguém daárea de economia é bem provável. Mas e se for alguém que gasta quase todo o tempo em outra área? Por exmeplo: professores, cientistas, artistas, médicos, doutores, analistas etc.
"O pobre detesta pessoas ricas e as toma como exemplos de mau caráter." Mas acontece que há muitos ricos desnoestos ,asism como políoticos desonestos ou corruptos. É daí que vem a reputação. Tem muita gente que fica rica não porque tem ideias superúteis e interessantes, mas justamente porque passa os outros prá trás, a fi mde conseguir levar vantagem a todo custo. Imagine se todo mundo achasse isso certo e tivessem a mesma atitude...

Junior Observador disse... [Responder comentário]

Eu percebi claramente que estas dicas estão centradas na visão de quem foca e meconomia. Então, embora as observações sejam interessantes e façam sentido, acho que não servem como regras gerais. E basta alguns dos inúmeros exemplos de ricos que estão longe de serem inteligentes ou de ótima educação financeira: mulheres do marketing, atores e jogadores de futebol por exemplo. Além disso, em qualquer cidade tem aquelas pessoas que ficaram ricas justamente pela simpatia e reputação social, mas que ainda assim são muito ignorantes que mal sabem fazer o próprio serviço.
E msuma, há muito preconceito tanto da parte de pobres quanto de ricos. Eu particularmente acho que o maior tipo de preconceito é de classe social. Deve ocorrer atpé mais do que racismo!

Postar um comentário

Agenda do Recife

REVISTA VOCÊ RH

Google+ Badge

Lomadee, uma nova espécie na web. A maior plataforma de afiliados da América Latina.

Consultoria de RH

Lomadee, uma nova espécie na web. A maior plataforma de afiliados da América Latina.

Me leve com você!

Adicione seu Email

E-book

E-book

COMPRAR E-BOOK

Tradutor

Translator

    English French
    German Spain
    Italian Dutch
    Russian Japanese
    Korean Arabic

Arquivo do blog